Notícias


Codam avaliará 50 projetos com investimentos de R$ 1,5 bilhão

Fonte: D24AM

Uma pauta diversificada que relaciona 50 projetos industriais com linhas de produção que vão de aparelhos para testagem de amostras sanguíneas e máscaras descartáveis a telefone celular, motonetas e processamento de alimentos regionais. Esse é o foco da primeira reunião virtual do Conselho de Desenvolvimento do Estado do Amazonas (Codam) que será realizada na próxima terça-feira (30), às 10h, via plataforma Teams, com transmissão pelo canal do YouTube. Os projetos industriais incluídos na pauta estão estimados em R$ 1,578 bilhão com geração de 2.815 empregos no período de até três anos.

O link de acesso à transmissão no canal da Secretaria de Estado de Desenvolvimento Econômico, Ciência, Tecnologia e Inovação (Sedecti) no YouTube é https://youtu.be/95KlNLYuUhw. O conteúdo integral da pauta da 285ª reunião do Conselho está disponível na página www.sedecti.am.gov.br – item ‘Codam’.

A diversificação da pauta do Codam é destacada pelo titular da Sedecti, Jório Veiga, como um avanço na recomposição da base econômica do Estado no pós-crise quando a pandemia da Covid-19 for controlada. “Nessa reunião temos projetos diversos, como testagem sanguínea, máscaras descartáveis, que não são os itens usualmente produzidos em Manaus. Essa diversidade ajuda muito na estabilização do portfólio e, ao mesmo tempo, abre outras oportunidades”, completou.

Jório Veiga ressalta que o processamento de alimentos regionais se mostra muito importante na adição de valor à produção agropecuária para a retomada do crescimento. “Estamos investindo nessa diversificação e no setor agropecuário para ampliar o leque de opções e a economia do Estado como um todo”.

Pauta

Do total de 50 projetos incluídos na pauta da 285ª Reunião do Codam, 26 foram aprovados ad referendum. Entre os projetos analisados pelas equipes da Sedecti e Sefaz, estão relacionadas propostas para a produção de equipamentos médico-hospitalar com aparelhos para análise de amostras de sangue por meio de radiação óptica, da Positivo Tecnologia, e para a fabricação de máscaras descartáveis de uso hospitalar, da Cal-Comp Indústria e Comércio.

No segmento alimentício existem projetos para a produção de polpa de fruta, gelo, condimentos e especiarias e azeitona em conserva e mel. No município de Tapauá (a 565 quilômetros de Manaus), a empresa Abufari Coleta de Produtos Florestais pretende produzir castanha do Brasil desidratada com investimentos de R$ 956 mil que vão demandar a contratação de 31 trabalhadores.

No setor de eletroeletrônico estão relacionados os projetos da Semp TCL para a fabricação de televisores com tela de cristal líquido estimados em R$ 887 milhões, o da Philco Eletrônicos para a produção de telefone celular digital com recursos de R$ 16 milhões e o da Cis Eletrônica para a fabricação de câmera de vídeo para conferência.

Balanço

A última reunião do Codam foi realizada no dia 19 de fevereiro deste ano, quando foram aprovados 37 projetos industriais estimados em R$ 782 milhões, com geração de 1 mil vagas no mercado de trabalho, no período de até três anos.

Fique Informado