Notícias


Plínio Valério aponta importância da Zona Franca na preservação da floresta.

Fonte: Agência Senado

O senador Plínio Valério (PSDB-AM) apontou nesta quarta-feira (4), em Plenário, a importância da Zona Franca de Manaus para a conservação da floresta amazônica. Ele afirmou que graças à sua existência e à renúncia fiscal que a beneficia, 97% das áreas florestais do estado do Amazonas estão preservadas.

O parlamentar calculou que, levando-se em conta o valor da renúncia fiscal do governo, a proteção de um hectare de floresta no Amazonas custa ao Brasil apenas R$ 90 por ano e somente R$ 0,24 por dia. E lembrou que seu estado é um dos poucos no Brasil que manda mais dinheiro para a Receita do que recebe de volta.

Plínio Valério também criticou personalidades estrangeiras e ONGs que afirmam defender a Amazônia, mas que, no seu entendimento, não se preocupam com a população local. Acrescentou que na região, em 43% dos lares que têm crianças, o que representa mais ou menos 9 milhões de pessoas, a família não tem renda para comprar uma cesta básica.

— E as organizações internacionais vivem me dizendo que é preciso ter dinheiro para manter a floresta em pé. Deem pão, comida, deem emprego e renda que a floresta vai ficar em pé. Não adianta a gente querer falar de preservação do meio ambiente sem falar do lado social. Eles estão umbilicalmente ligados — disse Plínio Valério.


Fique Informado