Notícias


Estado tranca o cofre e deixa muitos de ‘pires na mão’

Notícias publicadas pela coluna Claro & Escuro do Portal Acrítica

Estado tranca o cofre e deixa muitos de ‘pires na mão’

Os cofres do Estado estão fechados. Logo após ser empossado, o novo governo congelou os pagamentos de fornecedores de materiais e serviços, com a promessa de fazer o balanço dos gastos, especialmente dos últimos meses. O anúncio deixou muitas empresas apreensivas. O objetivo era o de colocar uma lupa nos gastos da gestão interina de David Almeida, cujos pagamentos foram questionados pelo Tribunal de Contas do Estado (TCE), tal o volume de ‘despesas’ pagas às pressas no mandato relâmpago. Passado o período e com a proximidade do pagamento da primeira fatia do décimo terceiro salário, as empresas e fornecedores que entregaram os serviços e os bens estão de ‘pires na mão’, para tentar fechar a folha de pagamento mais gorda dos meses de novembro e dezembro e com os bancos fechando as portas para os empréstimos, ou quando liberados, de elevado custo. O enxugamento da máquina pública já foi reforçado, o que está deixando sem sono tanto empresários quanto servidores.

Frota em Manaus

Em Manaus, o número de veículos aumentou 36% nos últimos sete anos, segundo dados do Departamento de Trânsito do Amazonas (Detran-AM). Em outubro de 2011, a capital concentrava 531.665 veículos, número quem subiu para 725.548 em outubro deste ano.

Investigação MPF

O Ministério Público Federal no Amazonas (MPF-AM) instaurou inquérito para apurar denúncia de que o ex-prefeito de Tapauá Almino Gonçalves de Albuquerque teria suprimido contribuições previdenciárias de servidores da cidade.

Inquérito MPF

Ainda no âmbito do MPF-AM, o órgão instaurou inquérito para apurar irregularidades na execução de convênio celebrado entre a Superintendência da Zona Franca de Manaus (Suframa) e a Secretaria de Estado de Produção Rural (Sepror) para a manutenção e recuperação das estradas vicinais do distrito agropecuário.

Reforma

O presidente Michel Temer disse, ontem, que a reforma trabalhista, em vigor desde sábado, poderá acelerar a recuperação dos empregos no Brasil. Em pronunciamento divulgado nas redes sociais, Temer avaliou a nova lei trabalhista como uma das medidas mais importantes de seu governo.

Aécio critica Huck como eventual candidato

O senador Aécio Neves (PSDB-MG) disse que uma eventual candidatura de Huck à Presidência da República representaria a “falência da política”. A declaração foi dada no sábado, quando o tucano participou da convenção estadual tucana, em Minas.

Fique Informado